ATUAÇÃO EM TODAS AS AREAS DO DIREITO

Assessoria, Consultoria e Atuação Jurídica e Administrativa completa.
Direito do Consumidor; Direito Bancário; Direito Civil; Direito Tributário; Direito de Família; Direito Criminal; Direito Internacional; Direito Civil e Contratos; Direito Trabalhistas; Direito Empresarial; Direito Previdenciário; Direito das Sucessões e Inventários; Direto Eleitoral; Direito Publico e Administrativo.

Prestamos atendimento e Assessoria Jurídica nas cidades de Chui, Santa Vitoria do Palmar, Rio grande, Pelotas e Pedro Osório-Cerrito, com possibilidade de atuação em outras comarcas. Apresentamos recursos em todas as instancias judiciais.

E-mail: drhugojuridicozs@hotmail.com
Telefone Celular: 91188208- Telefone fixo: 53-32652072
( Horário Comercial- vinculado a Matriz no Município de Chui/RS)- 53-30251803 (H. Comercial- Pelotas/RS)
Celular Uruguaio: 092.484.153.
Horarios de Atendimento:
Segunda a Sexta das 9h as 12 h e das 14h as 19h
Sábados: das 9h as 12h
ESCRITÓRIO 01: Matriz HD Jurídico Chui /RS: Rua Peru 1.015 Chui/RS CEP 96255-000. Telefone (53)32652072
ESCRITÓRIO 02: HD Jurídico Santa Vitoria do Palmar/RS: Rua Barão do Rio Branco 549 CEP 96230-000
ESCRITÓRIO 03: HD Jurídico Pelotas: Rua Andrades Neves 2.565 CEP 96020-080. Telefone: (53)3025-1803
ESCRITÓRIO 04: HD Jurídico Pedro Osório- Avenida Alberto Pasqualini 55 Sala B-
ESCRITÓRIO 05: HD Juridico Rio Grande: Barão de Cotegipe 433- Centro- Sala 912- Edificio Porto de Gales





terça-feira, 22 de junho de 2010

INACREDITAVEL!




Não tenho como conter minha felicidade com a Celeste Olimpica, que na data de hoje, apos vencer 1x0 ao Mexico pela Copa do Mundo da Africa, ficou em 1° lugar em seu grupo, onde estavam o Mexico, a França ( atual Vice-Campeã Mundial de 2006) e a Africa do Sul ( pais sede).

Faziam 56 anos que o Uruguai não lograva vencer 2 jogos seguidos numa Copa do Mundo.

Sem levar 1 gol sequer, de forma invicta, vivo um momento glorioso para o futebol do Uruguai, independente do resultado do jogo das Oitavas de Final, onde o Uruguai enfrenta a Coreia do Sul.

Uruguaios valorizam vaga histórica na liderançaRustemburgo - África do Sul
Nem mesmo o mais otimista uruguaio pensava que sua seleção nacional terminaria em primeiro lugar no grupo A da Copa do Mundo, superando até a França. Mas a Celeste mostrou um futebol moderno - eficiente na marcação e rápido na frente - e foi o grande destaque da chave, com sete pontos.
Questionado se o Uruguai vive um momento histórico pelo sucesso na África do Sul, o atacante Forlán não pôde esconder: "Sim, é claro", afirmou. "Mas o mais importante foi a vitória e a classificação", emendou o craque.
Destaque no futebol holandês, o atacante Suárez finalmente desencantou na Copa do Mundo. Ele balançou as redes em uma cabeçada mortal, digna de um centroavante de grande nível. Todavia, o jogador evita comemorar a sua conquista pessoal.
"É importante marcar o meu primeiro gol, mas aqui pensamos no grupo e o principal é o resultado", explicou o atleta.
Ainda nesta terça-feira, o Uruguai promete atenção para acompanhar a definição do grupo B. A Celeste vai jogar nas oitavas de final contra o segundo colocado da chave de Argentina, Grécia, Coreia do Sul e Nigéria. "É difícil falar no próximo rival, serão partidas difíceis a partir de agora, vamos ver quem vai se classificar", destacou Forlán.


Uruguai vence 'jogo sério' e carrega México para oitavasRustemburgo - África do Sul
AFP
Uruguai, de Lugano, assegurou primeiro lugar do grupo A do Mundial na vitória sobre México
Uruguai e México deram uma lição ao futebol e ganharam no campo as vagas do grupo A para as oitavas de final da Copa do Mundo. Os "irmãos" latinos tinham tudo para apelar a uma partida de compadres no estádio Royal Bafokeng, em Rustemburgo, mas buscaram o resultado positivo do início ao fim. Na vitória por 1 a 0 dos uruguaios, os mexicanos também carimbaram o passaporte à segunda fase, já que a África do Sul bateu a França por diferença mínima.
Ao contrário do sofrimento das Eliminatórias, o Uruguai apresentou um futebol envolvente e eficiente na etapa inicial do Mundial. Portanto, fechou o grupo A na ponta, com sete pontos. O México somou a mesma pontuação da África do Sul (quatro) e levou vantagem no saldo de gols. A França deu vexame e encerrou a participação com um empate.
Na próxima fase, os latinos enfrentam os classificados do grupo B, formado por Argentina, Coreia do Sul, Grécia e Nigéria. O Uruguai enfrenta o segundo colocado da chave, enquanto o México provavelmente terá de medir forças com os favoritos argentinos.
O Jogo - O empate beneficiava a todos no estádio Royal Bafokeng, mas o sangue quente dos latinos descartou uma partida de conveniência, até porque os dois lados entraram em campo recheados de atacantes. No início, o Uruguai apostava no bom toque de bola, enquanto o México insistia nas ações velozes.
Tanto empenho em campo proporcionou a primeira chance logo aos seis minutos, da parte dos sul-americanos. Suárez aproveitou falha gritante de Rodríguez e invadiu livre a área. O jogador do Ajax, da Holanda, caprichou no arremate, porém errou o alvo.
O Uruguai era superior em campo. Em 20 minutos, acumulava seis finalizações. Mas o México estava vivo e queria explorar os erros do adversário. Em um cochilo da marcação da Celeste, Guardado aproveitou espaço no meio-campo e mandou a bomba. Caprichosa, a Jabulani carimbou o travessão, tocou no terreno e foi embora. Desta vez, a controvertida bola da Copa foi inimiga do gol.
A ansiedade em Rustemburgo aumentou no momento em que todos tomaram conhecimento dos dois gols da África do Sul, que enfrentava uma França combalida, com apenas dez em campo - Gourcuff levou cartão vermelho. Era o motivo perfeito para os dois lados diminuírem o ritmo em busca do resultado perfeito.
Veja Também:
- Minuto a minuto do jogo
- Galeria de fotos
- Classificação e Resultados
- Últimas notícias do Uruguai
- Últimas notícias do México
Ainda assim, o Uruguai honrou suas tradições de bicampeão mundial, continuou atacando e abriu o placar em uma ação de seus três atacantes. Aos 43 minutos, Forlán iniciou a jogada, Cavani cruzou da direita e Suárez, no segundo pau, cabeceou como manda o figurino, para baixo. O veterano goleiro Óscar Pérez nada pôde fazer.
No segundo tempo, a partida ganhou um clima dramático. O México imprimiu um ritmo forte e não conseguia penetrar. O Uruguai, em contrapartida, era mais objetivo. A cabeçada de Lugano, aos nove minutos, tinha endereço certo. O goleiro Pérez voou para evitar o gol.
A última esperança do técnico Javier Aguirre era óbvia: o queridinho do povo mexicano, o atacante Hernandez, herói da vitória contra a França, foi para o jogo. O veterano Blanco, com seus quilos a mais, acabou sacado.
Porém, a França fez o gol sonhado pelos mexicanos, diminuiu a desvantagem contra a África do Sul e tranquilizou o time comandado por Javier Aguirre, que tinha, aos 26 minutos do segundo tempo, três gols de vantagem no saldo em relação aos anfitriões. Portanto, a classificação estava garantida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário